Link para página

Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso websiteAo navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Castelo Branco recebe exposição “A Floresta”

25 jan, 2019

A exposição “A Floresta”, uma primeira mostra itinerante em Portugal da Fundação ”la Caixa”, está patente no público na Devesa, em Castelo Branco, até ao próximo dia 21 de fevereiro.

Inaugurada pelo Presidente da Câmara Municipal de Castelo Branco, Luís Correia, e pelo Presidente honorário do BPI e curador da Fundação “Caixa”, Artur Santos Silva, é uma exposição para os visitantes para uma viagem em todo o ecossistema associada à Floresta.

A indica a importância das árvores e as funções que desempenham, como as regularadoras da humidade e da temperatura, contribuem para a execução do ciclo da água ou da purificação do ar e favorecem a formação de um húmus, protegendo os solos dos processos. erosivos.

Na inauguração, Luís Correia relembrou o trabalho desenvolvido pela autarquia no que diz respeito a este tema.

“Através do gabinete municipal de Proteção Civil, foram desenvolvidas as ações para a protecção da floresta”. E a título de exemplo, refere-se a Serra da Gardunha, local onde, “em 2018, após o incêndio que assolou uma zona plantada em 56 hectares de espécies autóctonas.

Em 2018 a autarquia criou, ainda, 102 hectares de faixas de rodagem de recursos de auto-alimentação e beneficiamento 430 quilómetros de rede viária florestal, tendo sido ele ainda mais as 30 ações de sensibilização.

A exposição apresenta como principais espécies arbóreas da Península, suas características ecológicas e sua ligação com o ser humano, além de apresentar cinco árvores mais singulares da Península Ibérica.

A mostra “A Floresta” pode ser visitada até 21 de fevereiro no Centro Cívico de Castelo Branco, de segunda a sexta-feira, das 12 às 14 e das 15 às 20 horas. Sábados, domingos e feriados das 11 às 14 e das 15 às 20 horas.

As visitas são realizadas de segunda a sexta-feira, às 19 horas e às dos domingos e são às 12 e às 19 horas. As interesados ​​devem fazer-se reportar com o telefone: 211 21 62 62.