Link para página

Este site utiliza cookies que facilitam a navegação ou o registro e a captura de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso site Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Sensibilização Ambiental

Um sistema de transportes públicos eficiente e flexível é essencial para a nossa economia e qualidade de vida.

Os transportes coletivos (autocarro, elétrico, metro, metro de superfície, comboio e táxi) permitem deslocações rápidas, seguras, mais baratas e confortáveis dentro da cidade, rentabilizando o espaço urbano e diminuindo a energia consumida e os consequentes poluentes emitidos. Ao contribuírem para a diminuição do tráfego, principalmente dentro das grandes cidades, têm implicações benéficas diretas na redução de gases de efeito de estufa.

O andar a pé produz inúmeros benefícios para a vida na cidade, mais qualidade ambiental,  mas também na vida do individuo, com melhoria das condições de saúde.

Também o uso de bicicleta constitui, logo a seguir ao andar a pé, o modo de transporte mais eficiente em termos de redução de poluição, ruído, ocupação de espaço e consumo energético.


Conselhos 

  • No momento da escolha da sua habitação tenha em conta os fatores de mobilidade.
  • Utilize os transportes públicos, ande a pé ou de bicicleta, especialmente para percorrer pequenas distâncias (até 3 km).
  • Informe-se da existência de transportes coletivos que lhe permitam realizar as suas deslocações quotidianas.
  • Na compra do automóvel, verifique a respetiva ficha técnica relativa ao consumo de combustível.
  • Partilhe o veículo, sempre que possível, com colegas ou familiares nas deslocações de e para o local de trabalho, supermercado, ou outros.
  • Evite carregar pesos desnecessários, na bagageira, devido à sua contribuição para o aumento significativo do consumo de combustíveis.
  • Sempre que não forem necessárias remova as barras exteriores de transporte do tejadilho pois estas diminuem a aerodinâmica da viatura e aumentam o seu consumo de combustível.
  • Planeie antecipadamente os percursos e escolha os mais descongestionados.
  • Em tempo de calor, opte por viajar em horas mais frescas, usando menos o ar condicionado e evitando o aumento do consumo de combustível.
  • Quando for de férias e antes de alugar um carro, informe-se no hotel sobre os transportes públicos na região ou sobre os serviços de transporte/visitas organizadas pelo próprio hotel.
  • Sempre que tiver que estacionar ao ar livre, escolha um local à sombra ou pelo menos certifique-se que o depósito de combustível não está voltado na direção do sol.
  • No arranque a frio, inicie a marcha com uma condução suave, em vez de esperar que o motor aqueça ao ralentim, porque apenas contribui para desperdiçar combustível.
  • Durante a aceleração troque de mudança: entre as 2000 e 2500 rpm nos motores a gasolina e entre as 1500 e 2000 rpm nos motores a gasóleo.
  • Não conduza a velocidades elevadas, pois além de gastar mais aumenta o risco na sua condução.
  • Sempre que puder, trave com a caixa de velocidades antes de usar o travão.
  • Ao abastecer, não encha excessivamente o depósito. Desta forma evita derrames e reduz os consumos provocados pela pressão.
  • Verifique se a pressão dos pneus do veículo é a recomendada pelo fabricante. Uma pressão inferior em 0,5 bar, aumenta o consumo de combustível em 5%.
  • Escolha pneus de qualidade, pois diminuem a resistência à estrada sem pôr em causa a segurança, reduzindo o ruído e poupando combustível.
  • As baterias usadas do carro devem ser entregues no local de compra das novas.
  • Os óleos lubrificantes do veículo devem ser entregues no local de compra de novos.
  • Serviço Publico de Transporte de Passageiros
  • Programa de Apoio à Aquisição de Bicicletas