Link para página

Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso websiteAo navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

A festa do Dia Internacional dos Museus

17 mai, 2017

Para celebrar o Dia Internacional dos Museus, assinalado em todo mundo desde 1977, por proposta Conselho Internacional de Museus (ICOM – um organismo da UNESCO), a Câmara Municipal de Castelo Branco associa-se a esta iniciativa, com a realização de um conjunto de atividades e ofertas nos diversos equipamentos culturais da cidade.

O Centro de Cultura Contemporânea de Castelo Branco tem agendadas atividades gratuitas e abertas a todos os públicos.
No dia 18, Dia Internacional dos Museus, entre as 10h00 e as 13h00, realizam-se visitas guiadas à exposição “Quarto de Espanto”. Às 15h00, realizar-se uma Oficina para as famílias (mediante inscrição prévia) com o tema “Museus e histórias contestadas: dizendo o indizível nos museus”. Finalmente, às 17h00,  Leonel Azevedo é o orador da palestra “Duas grosas de dúvidas e meia dúzia de pensamentos sobre a arte clandestina do graffiti.”

O Museu  Cargaleiro preparou uma programação especial em torno do tema “Museus e histórias controvérsias: Dizer o Indizível em Museus”, entre os dias 18 e 21 de maio, com a qual pretende aproximar a comunidade ao Museu.

Ao longo do dia 18 de maio, o Museu Cargaleiro  acolhe todos os visitantes de forma gratuita das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00, estando prevista, às 16h30, a realização de uma visita guiada pelo Museu com referência à história da Coleção da Fundação Manuel Cargaleiro. Uma atividade limitada a 20 participantes e que carece de marcação prévia para a sua participação. Pelas 21h00 realiza-se um concerto no Museu, com entrada livre, que contará com a participação dos grupos “Ensemble Ars Renovata”, “Ensemble Ad Libitum” e “Octeto de Guitarras” do Conservatório Regional de Castelo Branco.

O Serviço Educativo preparou algumas atividades para o dia 18 de maio (5ª feira), em parceria com instituições locais e que necessitam de marcação prévia por parte dos grupos escolares que pretendam participar: pelas 11h00 está agendada uma pequena encenação intitulada “Ratinhos da Beira”, pelo grupo de alunos do Curso de Animação Sociocultural da ETEPA; pelas 11h30 está previsto o atelier “Decoração do meu Prato Ratinho”.

No dia 20 de maio (sábado) realiza-se, pelas 16h00, a conferência "Dez Obras para uma História da Arte Ocidental" apresentada por Catarina Moura, no âmbito do “Projeto 10” promovido pelo Curso de Ciências da Cultura da Universidade da Beira Interior (UBI), e que resulta da parceria estabelecida entre a Fundação Manuel Cargaleiro e a UBI.

No dia 21 de maio (domingo), pelas 11h00, as famílias poderão marcar a sua presença nesta festa dos museus, na atividade gratuita mas com marcação prévia obrigatória, através da atividade “Um Museu, Uma Coleção! Se eu fosse Colecionador?!?”, que será dinamizada pelo Serviço Educativo.

A Casa da Memória Judaica e o Museu Francisco Tavares Proença Júnior associam-se a esta iniciativa com entradas gratuitas no dia 18.

Finalmente, a Sociedade dos Amigos do Museu Francisco Tavares Proença Júnior organiza, às 18h00, no Dia Internacional dos Museus, a Palestra/Mesa Redonda: “D. Vicente Ferrer da Rocha e a 1ª Invasão Francesa”, moderada por Maria Adelaide Salvado.

Participe nesta celebração internacional dos Museus!