Link para página

Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso websiteAo navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Moda: Autarquia promove concurso com aplicação do Bordado de Castelo Branco

30 nov, 2016

A Autarquia de Castelo Branco está a promover o Primeiro Concurso de Moda com a aplicação do Bordado de Castelo Branco.  Os projetos devem ser entregues na Oficina-Escola Bordado de Castelo Branco e a data limite é as 18h do dia 31 de janeiro.

O presidente da Câmara, Luís Correia, disse em conferência de imprensa, que se pretende com esta iniciativa “dinamizar as matérias-primas ligadas ao Bordado de Castelo Branco e levar o nome de Castelo Branco pelo país fora”.

Existe uma forte aposta na divulgação do Bordado de Castelo Branco e a Câmara Municipal está a concretizar um conjunto de iniciativas cujo principal objetivo é a (re)valorização, promoção e posterior certificação do Bordado de Castelo Branco.

Este processo iniciou-se há cerca de quatro anos, com a criação da Oficina-Escola do Bordado de Castelo Branco, uma entidade tutelada pela Câmara Municipal, com o objetivo de garantir a continuidade e qualidade da produção deste Bordado.

Em paralelo, decorre um conjunto de outras iniciativas, das quais se destaca a exposição itinerante de Colchas de Castelo Branco, dos séculos XVIII e XIX. A Câmara Municipal está também a construir o Centro de Interpretação do Bordado de Castelo Branco, um equipamento que será o centro nevrálgico de produção, comercialização, promoção e estudo sobre esta forma de expressão artística, ímpar no nosso País e um dos ex-libris da Cidade e do Concelho, senha identitária do nosso território.

Em 2016, os designers Luís Buchinho e Alexandra Moura, foram convidados a desenhar duas peças de vestuário com o Bordado de Castelo Branco, as quais foram apresentadas, em julho, no desfile Castelo Branco Moda 2016.

Também as alunas de Design de Moda e Têxtil, da Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco, apresentaram duas peças em estopa, designadamente uma mochila e mala de mão de senhora com o Bordado de Castelo Branco, tendo sido concebidas no âmbito de um workshop promovido pelo Município, em 2015, com os designers José António Tenente, Nuno Gama e Maria Gambina.

É neste contexto que a Câmara Municipal se propõe realizar o 1º concurso na área do design de moda, sobre a aplicação do Bordado de Castelo na moda, no calçado e acessórios. De acordo com o regulamento, os projetos devem ser entregues na Oficina-Escola Bordado de Castelo Branco até às 18h do dia 31 de janeiro e os que forem admitidos “têm de primar pela criatividade e originalidade, inovação, viabilidade e sustentabilidade económica, devendo sempre, adequar e respeitar o mercado e o público-alvo”.

Regulamento do Concurso